08 junho 2011

Injustiçado


O injustiçado é aquele tipo que conversa no MSN e diz coisas que variam do “você não sabe o que eu passei esse tempo todo” ao “e você e aquele negão?”. No fim das contas acaba chorando e assistindo um filme vencedor do Oscar filmado lá pelos anos 70 ou 71. Se não for assim, apela para a Barbra Streissand. Mas nunca se faz entender. O injustiçado se cala e leva a fama. No fundo, gosta de levar a fama, é como um falso sentimento de superioridade que parece justificar aquele balde de jujubas e delicados que ingere durante toda a madrugada, escutando Tulipa Ruiz e assistindo Funny Girl.

O injustiçado não olha mais na cara com medo de que a justiça seja feita. Até o fim da vida, prefere ser o protagonista incompreendido. Cedendo a vida e a felicidade por grande mal-entendido. Mas quando acaba a novela, realiza o rumo que as coisas tomaram e desata a chorar. Desata a se lamentar.

Quando escreve, parece fazer justiça, reconhecendo sua burrice e sua falta de honestidade consigo próprio, fingindo ser mais maduro do que realmente é, fingindo entender que nunca foram feitos um para o outro. E quem disse que alguém é feito pra outra pessoa?

Mas isso é só ali, deitado em seu leito quente de janeiro. Entre quatro paredes e sozinho, não corre o risco de ninguém descobrir que esse personagem não cabe na corcunda dele. Ele quer é manter o status de coitadinho. Quem sabe isso não lhe descola desconto naquele rodízio de japonês?

17 comentários:

  1. Você está diferente da terceira temporada... Menos entrelinhas. Não sei se estou certo, mas parece metalinguagem. Bem, eu nunca entendi isso direito. Foto sugestiva, me lembra muito os meus surtos de ijustiçado...
    Não sei se um palpite vale, já que eu nem tenho certeza se foi mesmo ou se não foi, mas uma hora agente cansa, não é? Uma hora agente cresce... E descobre que jujuba não adianta muita coisa...

    Um beijo, Rapaz... até o próximo!

    ResponderExcluir
  2. Conheço várias pessoas com esse perfil.
    Bjão

    ResponderExcluir
  3. Pô, jujuba, batata frita e desconto no peixe cru... ainda vai querer um homem pra chamar de seu? Guloso...

    Eu era mais coitadinho. Bichinho não deixou: cada cacetada... Acho que melhorei um tiquinho. Ou não.

    E se os títulos desconectados já forem motivo pra voltar, tá valendo. :-)

    ResponderExcluir
  4. Vou começar a colocar hieróglifos Fringe nos títulos e/ou postagens. Aí que eu quero ver... :-)

    ResponderExcluir
  5. Aff ... estes tipos me cansam ... #FATO ...

    ResponderExcluir
  6. gente, eu sou um injustiçado então?

    ResponderExcluir
  7. E quem disse que alguém é feito pra outra pessoa?
    Eu já acreditei nisso, essa coisa de ser unido pelo destino e tal. Hoje eu acho que a gente é feito e unido pelas nossas escolhas, sejam elas boas ou não...

    ResponderExcluir
  8. Antônio, como te dar RT eterno pra vida inteira?

    Seu texto está fantástico, o novo layout do blog idem.

    Estou muito orgulhoso de você.

    AGORA VÊ SE NÃO ME ESQUECE, CAHORRO.

    Vamos marcar de nos ver! Beijão

    ResponderExcluir
  9. coitados desses coitadinhos...

    ResponderExcluir
  10. se eu disse que me sinto assim mas às vezes?
    e se todos aqui se sentem assim. às vezes?
    se isso é não crônico, como saber se não é injustiça?

    ResponderExcluir
  11. Eu SOU injustiçado. A vida me odeia de verdade hahaha.

    ResponderExcluir
  12. Os injustiçados, definitivamente, cansam!

    ResponderExcluir
  13. se não tem jujubas, comam chocolate!
    El justiciero cha cha cha

    =*

    ResponderExcluir
  14. Tahhhhhhhhhhhhhhhhhhhh que o personagem me cabe as vezes.... mas a gente cresce e começa a perceber outras coisas além... e ai vem a vingança! ahahahha... bruxaria, mandinga, ebó! ahahah. e uma pitada de maldade!!!

    calma... zuando...

    Todo mundo se sente injustiçado e faz isso tudo alguma vez..ou várias....
    quem não fez é mentiroso.

    vou RT o comentario da Debrinha!
    "E quem disse que alguém é feito pra outra pessoa?
    Eu já acreditei nisso, essa coisa de ser unido pelo destino e tal. Hoje eu acho que a gente é feito e unido pelas nossas escolhas, sejam elas boas ou não..."

    clap clap clap!!! posso copiar!!? adorei!

    Bjo

    ResponderExcluir
  15. vai ter muita gente vestindo a carapuça por aqui.

    belo texto, de novo.

    abço ^^

    ResponderExcluir
  16. Obrigado pela visita no niver do meu blog! sua presença me deixou MUITO FELIZ!

    bjoxxxxxxxxxxx no coração!

    ResponderExcluir
  17. Então, minha vida é uma tremenda injustiça!

    ResponderExcluir