25 agosto 2010

Cinema 2D


Ele ia ao cinema de calça xadrez e pólo branca. Usava aquele típico Converse de couro branco e mochila retrô. Ele ia ao cinema sozinho. Comprava o combo individual, sentava na cadeira que normalmente é ao lado das preferidas dos grupos de amigos, onde a possibilidade de casais apaixonados é reduzida. Via filme de drama, desses israelenses ou Jane Austen, ou ainda almodovarenses. Às vezes arriscava um Trident ou um pacote de M&M’s, da embalagem amarela. Confete de chocolate era coisa para casais. Ele andava sozinho e comia amendoim confeitado. Seu preferido era o amarelo e qualquer ligação com a embalagem era mera coincidência. Tinha de ir ao cinema do Grupo Estação. Kinoplex é péssimo pro público no qual ele se identificava. Por lá só aparecem grupos. A minoria é sozinha, só os corajosos, que se assumem no meio da multidão, sem medo de represália. Ouviu dizer, certa vez, que atacaram um cara sozinho que foi ao cinema e depois disso fez carteirinha no Grupo Estação. Quando não era drama, era documentário. Nada em 3D. Em 3D é tudo muito real. E isso assusta.

7 comentários:

  1. seus textos estão cada vez mais maravilhosos, escreve um pra mim?

    ResponderExcluir
  2. Assumir filme iraniano é realmente complicado. Coisa pra macho. Coisa pra Wans!

    ResponderExcluir
  3. por acaso estas a falar do Braccini?

    bjux

    :-0

    ResponderExcluir
  4. Digno da pós-modernidade ou modernidade líquida, eu vou aos cinemas do Estação (e ao Arteplex tmb - todos integram a linha 'burguesia fólclórica alternativa metida a militante...')! Mas tmb assisto filmes em 3D! Mesmo q seja pra falar mal! Afinal, não andam explorando a potencialidade de tanta tecnologia... rsrsrs

    ResponderExcluir
  5. sim, realmente os textos estão ;otimos

    e num surto superficial... AMO ir ao cinema sozinho! ainda bem que SP é cheia de gente assim!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Antônio

    adorei seus comentários e adorei seus textos...

    espero nos tornarmos amigos

    =D

    ah,eu gosto de fazer programas sozinho, multidões me assustam, me entendiam, me fazem desconfiar...

    ResponderExcluir
  7. hahahaa, eu também morro de medo de sair sozinho, acho triste, mas também depende do filme, ou do programa né... nada de coisa de casal rs, de qualquer forma pode me chamar tah! rs bjuuu!

    ResponderExcluir